domingo, 25 de abril de 2010

.
e nas vezes que a vida dá voltas, muitas voltas, você veio. Suave e sem promessas, você veio com tudo. Com as flores do meu jardim, com a música de uma nova canção, com as palavras do
coração, com os elos de uma paixão, você veio dizendo e fazendo tudo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário