sexta-feira, 8 de outubro de 2010



Eu tenho uma leve impressão que lutei em vão [...]
E além do mais, que todo esse tempo eu lutava contra mim mesma, pois, minha vontade, é minha essência, de toda forma, sou eu. É inútil lutar contra você mesmo, porque se você for vencedor pela razão e a razão for contra o que o coração quer, você será infeliz, não tem pra onde correr. [...]

Nenhum comentário:

Postar um comentário